Como Usar: calça flare

Diferente das já tradicionais skinny, esse modelo lembra as antigas “boca de sino”, que são mais justas na cintura e nas coxas e abertas na região da panturrilha.
Democráticas, elas ficam bonitas em todos os tipos físicos: a calça flare valoriza a silhueta feminina e é ótima para equilibrar quadris largos. Não há nenhum tipo de restrição, porém, uma dica para as baixinhas, é utilizá-las com um salto, que pode ser fino, grosso ou anabela, para não achatar. A barra da calça deve ficar mais ou menos a 1 cm do chão”.

  Flare é superversátil, então é possível vesti-la em qualquer horário ou ocasião. Para compromissos mais informais, uma boa escolha é o velho e conhecido jeans com uma blusinha mais trabalhada ou um modelo em alfaiataria acompanhado de um top básico. “O segredo está na parte superior, se você coloca uma blusa mais despojada, qualquer tecido de calça casa com ocasiões informais”,



 Se o evento é noturno ou pede uma produção mais formal, a dica é apostar em camisas de alfaiataria. “Cores escuras ficam superlegais para usar a noite” blazers e paletós são boas opção para arrematar o visual. Aqui os sapatos de salto são ainda mais indicados, mas é necessário tomar um cuidado especial nessa escolha. “Dependendo do calçado que você pretende usar com essa calça, é preciso ajustar a barra dela para que fique quase no chão, ou seja, cobrindo o seu pé”.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário